Etapas

Expedição Trotaméricas constitui-se de 4 etapas:

1 – Primeira Etapa América do Sul
(overlander por Uruguai, Argentina, Chile e Bolívia + mochilão por Peru, Equador, Colômbia e Brasil)

2 – América do Norte
(aéreo + mochilão por Canadá, Estados Unidos e México)

3 – América Central
(mochilão por Belize, Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica e Panamá)

4 – Segunda Etapa América do Sul
(mochilão por Venezuela, Guianas, Brasil e Paraguai)

logo-semtexto

Primeira Etapa América do Sul

Descrição: acompanhado do Tim Campos, viajei até o extremo sul das Américas com sua Land Rover. Ali, começamos um trajeto que acompanhou os Andes até o sul peruano. Em Arequipa é que se iniciou efetivamente o mochilão Trotaméricas, seguindo pelo restante do Peru, Equador e Colômbia antes de entrar na Amazônia Brasileira na tríplice fronteira Brasil-Colômbia-Peru).

Países do percurso overlander: Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia e sul do Peru.  Países do mochilão: centro e norte do Peru, Equador, Colômbia e Brasil.

Destaques: Patagônia Austral, Região dos Lagos Chilenos, Altiplano Boliviano, Lago Titicaca, Machu Picchu e Vale Sagrado dos Incas, Gastronomia Peruana, Cordilheira Branca, Corredor dos Vulcões Equatoriano e Floresta Amazônica.

Duração do percurso overlander: 66 dias. Duração do mochilão: 61 dias. Total: 127 dias.

 

logo-semtexto

Etapa América do Norte

Descrição:  voarei de São Paulo até Québec, Canadá, onde começarei o longo trajeto até o Alaska. Percorrerei então a costa oeste do Canadá e dos Estados Unidos e entrarei no México pela Península da Baixa Califórnia. Cruzarei longitudinalmente o México até a Península de Iucatã.

Países: Canadá, Estados Unidos da América e México.

Destaques: Patrimônio Arqueológico Maia e Asteca da Península de Yucatán, Península da Baixa Califórnia, San Francisco, Grand Canyon, Vale da Morte, Parques Nacionais de Yellowstone e Yosemite, Estações de Ski próximas de Salt Lake City, Montanhas Rochosas Canadenses e Monte Denali (McKinley).

Lago Moraine, no Parque Nacional de Banff, Canadá.
Lago Moraine, no Parque Nacional de Banff, Canadá.

Duração: mínimo de 60, máximo de 90 dias.

 

logo-semtexto

Etapa América Central

Descrição: mochilão pelos sete países da região ístmica da América Central, no sentido oeste-leste.

Países: Belize, Guatemala, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Costa Rica e Panamá.

Destaques: Região de Darién, Canal do Panamá, Ilha de San Blás, Área de Conservação Guanacaste, Cidade de León (Nicarágua), Ruínas de Copán, Antigua Guatemala, Chichicastenango e Patrimônio Arqueológico Maia de Tikal.

Tikal, uma verdadeira jóia da arquitetura maia.
Tikal, uma verdadeira jóia da arquitetura maia.

Duração: mínimo de 60, máximo de 90 dias.

logo-semtexto

Segunda Etapa América do Sul

Descrição: via aérea ou marítica até Colômbia ou Venezuela. Explorar a Grande Savana antes de subir o Monte Roraima. Dali, seguir até Boa Vista e depois para Georgetown, Paramaribo e Caiena, fechando as três capitais das Guianas antes de entrar novamente no Brasil via Oiapoque. Então o projeto passa a ser costear todo litoral norte e nordeste até Recife. Dali, adentrar o sertão até o Jalapão, tomar rumo sul até o Pantanal e visitar o Paraguai, último país da aventura.

A chegada em Caxias do Sul e posteriormente Joinville-SC está prevista para dezembro de 2017.

Países: Venezuela, Guiana, Suriname, França (Guiana Francesa), Brasil e Paraguai.

Destaques: Caribe Venezuelano, Grande Savana Venezuelana, Monte Roraima, capitais das três Guianas, Lençóis Maranhenses, Jalapão e Pantanal.

O Monte Roraima (Tepuy Roraima ou Cerro Roraima) está localizado na tríplice fronteira entre Venezuela (85% da área), Guiana (10%) e Brasil (apenas 5%).
O Monte Roraima (Tepuy Roraima ou Cerro Roraima) está localizado na tríplice fronteira entre Venezuela (85% da área), Guiana (10%) e Brasil (apenas 5%).

Duração: mínimo de 60, máximo de 90 dias.

Países do percurso: Venezuela, Guiana, Suriname, França (Guiana Francesa) e Paraguai.